Diário de Carreira: A grande aventura de começar uma empresaComeçar uma empresa é sempre uma grande aventura. Por mais que se planeje e que se prepare, há sempre inúmeros fatores que podem mexer muito com o dia a dia de uma recém-nascida empresa. Logo depois de montarmos a Chemtech, em 1989, o Lula conseguiu ir para o segundo turno da primeira eleição presidencial direta que o país estava tendo depois de mais de 25 anos de regime militar e de eleições indiretas. Muitos empresários tinham um grande receio de uma eventual vitória do Lula e, com isto, houve uma certa aglutinação que acabou levando à eleição do Collor no segundo turno.

Para surpresa de todos, no entanto, Collor confiscou o dinheiro de contas pessoais e de empresas e inaugurou uma década que foi bastante ruim para a engenharia nacional. Estávamos começando e já íamos enfrentar a natural falta de cultura de prestação e de contratação de serviços que havia e ainda há no Brasil. Já ia ser uma parada bem dura. Mas, para complicar ainda mais a situação, vem o Collor e nos apronta esta…

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/economia/boachance/mat/2011/11/01/diario-de-carreira-grande-aventura-de-comecar-uma-empresa-925716246.asp#ixzz1cUKOfyLa
© 1996 – 2011. Todos os direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A.